Os cuidados para uma boa moldagem

By: | Tags: | Comments: 0 | maio 7th, 2013

Para realização da moldagem, são necessários alguns cuidados e principalmente ter conhecimento da anatomia da orelha externa, porque é através desta impressão que será realizada a confecção do molde para a adaptação do aparelho auditivo retroauricular, intracanal e microcanal.


• Primeiro devemos fazer uma inspeção com o otoscópio para verificar a anatomia do conduto auditivo externo e a presença de alguma alteração que possa impedir a realização da moldagem.

• Quando o conduto auditivo externo estiver ocluído por cerume, a presença de corpo estranho ou infecção, este paciente deve ser encaminhado primeiramente para o médico otorrinolaringologista.

• Devemos ter um grande cuidado com os paciente que possuem membrana timpânica perfurada ou que estejam usando um tubo de ventilação.

• Pacientes que já realizaram cirurgia, devemos ter um cuidado redobrado, pois a anatomia muitas vezes está alterada e todo o cuidado é pouco.

• A colocação do algodão junto com uma linha resistente para vedação do conduto auditivo externo, deve ser muito bem inserido para que a massa não ultrapasse a área protegida.

• Durante a moldagem deve solicitar para o paciente abrir a boca ou falar para que a moldagem fique anatomicamente ideal.

• Quanto mais longo for o molde melhor para o protético, pois poderá visualizar as dimensões exatas do conduto.
Vale lembrar que após a moldagem sempre examine novamente o conduto auditivo para verificar se ficou algum resíduo do material utilizado.

Fgo. Gabriel Varela Furlan
CRFa-PR 8696

Leave a Reply